Cuidados e precauções com a gengiva inchada

Alteração na cor da gengiva, sangramento ao escovar os dentes e no uso do fio dental, gengiva afastada dos dentes e um gosto ruim na boca. Esses são alguns sintomas que, juntos a uma gengiva inchada, indicam o adoecimento desse tecido que sustenta os dentes, chamado periodonto, e que é tão importante para a saúde bucal.

Com os sintomas citados acima, o paciente deve estar atento na sua continuidade e visitar o mais rápido possível um dentista.

Cuidados a serem tomados

A gengiva inchada é um indicador de que um processo inflamatório esteja ocorrendo: a chamada gengivite.

A gengivite é uma doença que surge a partir do acúmulo da placa bacteriana e do desenvolvimento do tártaro nos tecidos que cercam os dentes. Essa camada pegajosa, inicialmente invisível, mas que pode se amarelar, se infiltra nos locais de difíceis acessos da boca. Com o tempo, a placa libera toxinas que provocam irritação, deixando a gengiva inchada.

Esse adoecimento da gengiva ocorre especialmente devido à higiene bucal ineficiente, devendo o paciente prestar atenção nas recomendações:

  • Escovação dos dentes após as refeições ou três vezes no dia;
  • Aplicação do fio dental no mínimo uma vez no dia;
  • Limpeza da língua com dispositivo correto;
  • Ida ao dentista de seis em seis meses.

Outras ações podem ser a causa de uma gengiva inchada: alterações hormonais durante a gravidez, consumo de tabaco e altos níveis de estresse.

Tratamento da gengiva inchada

Se a gengivite não for tratada ela pode se agravar e transforma-se na periodontite. A partir desse estágio, a doença pode desestruturar os tecidos que protegem o dente, fazendo-o cair, além de ter a possibilidade de se infiltrar na corrente sanguínea, afetando o coração. Para evitar o agravamento, é necessário ir ao dentista para que seja realizada a profilaxia dental. A profilaxia é uma limpeza profissional, com instrumentos próprios que removem a placa bacteriana e o tártaro.

O primeiro passo é a realização da raspagem com um aparelho de ultrassom. Limpos, surge o momento do jato de bicarbonato para que a superfície fique lisa, evitando o surgimento futuro da placa e do tártaro. Essas medidas revitalizam a saúde da gengiva inchada, eliminando a possibilidade da gengivite e do agravamento para a periodontite.

Dr. Alex Claro Guilger

Graduado na faculdade de odontologia de piracicaba - FOP-UNICAMP - (2009) Atualização Básica de Implantodontia na Fundecto (fundação para Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Odontologia- USP). Aperfeiçoamento “ Esculturas Dental Com Resinas Compostas em Dentes Anteriores e Posteriores “ promovido pelo Prof. Ronaldo Hirata 2010/32h Curso enceramento diagnóstico “ Técnicas das Visões” ( Marcelo Giatti) 2010/60h; Curso Intensivo em Estética Adesiva – UNESP (Araçatuba) 2008/40h; Curso Especialização em Prótese São Leopoldo Mandic (Prof.Sidney Kina) Maio 2010/2012.