Clareamento interno

O clareamento interno usa o mesmo componente químico de outras técnicasde clareamento, o peróxido de hidrogênio, porém nesse caso ele é aplicado na parte de trás dos dentes. Isso acontece porque o clareamento interno geralmente é administrado em dentes que já passaram por algum processo ortodôntico, como o tratamento de canal, por exemplo.

O grande objetivo desse procedimento é clarear os dentes e devolver a eles seu tom original, mas sem desgastar ainda mais o esmalte da dentina e a estrutura do dente, por isso ao contrário de alguns outros métodos, o clareamento interno usa componentes mais contidos e menos invasivos.

Além disso, essa técnica também é mais eficiente para corrigir manchas geradas por problemas na estrutura interna do dente, geralmente consequência de tratamentos de canal, ou mesmo por conta de traumas. Assim, esse tipo de tratamento promove a:

  • remoção de vasos;
  • remoção de nervos;
  • remoção de tecidos inflamados da parte interna (polpa) do dente, que por ser bastante porosa, acaba absorvendo resíduos de tecidos e produtos químicos os quais oxidam e escurecem os dentes;
  • eliminação de manchas.

Como funciona o clareamento interno

Embora possua a mesma finalidade, o clareamento interno funciona de maneira diferente do clareamento externo tradicional, o qual é aplicado a partir da superfície dentária. Nesse caso, a porção interna da coroa dentária precisa, em primeiro lugar, passar por um processo de limpeza e preparo de modo que esteja pronta para receber o agente clareador, o qual deverá permanecer no interior do dente durante o período estabelecido pelo dentista responsável.

A importância do clareamento interno

Muitas pessoas podem se perguntar sobre quais são as utilidades exatas desse tratamento, e por que ele pode ser vantajoso? De acordo com especialistas da área, esse tipo de clareamento consegue ser bastante eficiente nos casos em que apenas um elemento dentário se diferencia dos demais. Isso pode acontecer devido a um trauma ou mesmo por conta do já mencionado tratamento endodôntico, o qual tem fortes chances de acabar provocando o escurecimento de apenas um ou muitos dentes. Além disso, muitas vezes esse procedimento pode ser necessário como complemento do clareamento tradicional.

Dr. Alex Claro Guilger

Graduado na faculdade de odontologia de piracicaba - FOP-UNICAMP - (2009) Atualização Básica de Implantodontia na Fundecto (fundação para Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Odontologia- USP). Aperfeiçoamento “ Esculturas Dental Com Resinas Compostas em Dentes Anteriores e Posteriores “ promovido pelo Prof. Ronaldo Hirata 2010/32h Curso enceramento diagnóstico “ Técnicas das Visões” ( Marcelo Giatti) 2010/60h; Curso Intensivo em Estética Adesiva – UNESP (Araçatuba) 2008/40h; Curso Especialização em Prótese São Leopoldo Mandic (Prof.Sidney Kina) Maio 2010/2012.