Como tirar dor de dente? Como ela funciona?

Quem nunca sofreu com esse dor incômoda e pensou em como tirar dor de dente? Essa dor pode ser tão comum que muita vezes demoramos a levar ela a sério e geralmente só buscamos ajuda quando, de fato, ele nos incômoda. Porém é importante estar atento aos sintomas e causas dessa situação. Só assim, você conseguirá tirar dor de dente da sua rotina. Confira neste texto, algumas informações essenciais.

O que causa a dor no dente?

Muitas questões podem influenciar e até causar a dor nos dente, desde a escovação errada até situações mais profundas ligadas a estrutura do dente. Por isso, para tirar dor de dente, precisamos entender como funciona, essa dor, nada mais é que uma inflamação dos nervos presentes na polpa do dente, conhecido também como canal ou apenas nervo. Nessa região central do dente se concentram nervos, vasos sanguíneos e tecido conjuntivo, que ao serem lesionados podem causar a dor intensa.

Existem alguns fatores que levam a lesão ou inflamação da polpa do dente, a mais comum é a Carie, ela causa da desmineralização do dente e permite a entrada de bacteriais no nervo. Por ser a mais comum, geralmente as dores são sempre associadas a ela, mas outros fatores também podem influenciar esse sintoma, como por exemplo:

  • Doenças periodontais;
  • Retrações gengivais;
  • Traumas dentários;
  • Idade;
  • Alimentação;
  • Escovação errada.

Também existem fatores específicos, como pessoas que possuem sensibilidade nos dentes ou maior tendência a gengivite e doenças da gengiva e boca. Essas pessoas, além do acompanhamento médico especializado, para tirar dor de dente devem seguir suas rotinas com mais atenção e cuidados com os dentes, com o uso de produtos específicos até o uso de técnicas de escovação que preservam e limpam os dentes, só assim conseguiram amenizar ou tirar dor do dente das suas rotinas.

Como tirar dor de dente?

Como a maioria dos casos é simples, tirar dor de dente é geralmente feito com o uso de analgésicos para diminuir a dor. É uma forma prática e segura de tirar dor de dente, mas pode apenas amenizar a dor e não trata-la. Por isso, o indicado é a observação do sintoma, caso a dor persista, o ideal é procurar o seu dentista de confiança para que seja realizado uma avaliação precisa, com diagnóstico e tratamento do caso. Fique atento aos sinais do seus corpo e peça ajuda sempre que necessário.

Dr. Alex Claro Guilger

Graduado na faculdade de odontologia de piracicaba - FOP-UNICAMP - (2009) Atualização Básica de Implantodontia na Fundecto (fundação para Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Odontologia- USP). Aperfeiçoamento “ Esculturas Dental Com Resinas Compostas em Dentes Anteriores e Posteriores “ promovido pelo Prof. Ronaldo Hirata 2010/32h Curso enceramento diagnóstico “ Técnicas das Visões” ( Marcelo Giatti) 2010/60h; Curso Intensivo em Estética Adesiva – UNESP (Araçatuba) 2008/40h; Curso Especialização em Prótese São Leopoldo Mandic (Prof.Sidney Kina) Maio 2010/2012.